Como desossar um frango inteiro? Aprenda agora!

Fazer várias receitas gostosas para saborear durante a semana com apenas uma opção de carne é mais fácil do que você pensa. O frango inteiro é a escolha certa para isso, e ainda mais se você tiver um segredinho na manga, que é desossar frango. Assim, várias partes dele podem virar receitas fabulosas para você e sua família.
Sempre que você vai a um açougue, há o frango inteiro com osso, desossado e em partes, não é? O frango inteiro com osso costuma ser mais barato e ainda tem a vantagem de render vários pratos diferentes. E você vai ver que desossar frango é moleza, não deixando de ser uma opção prática.
Aprenda neste artigo como desossar frango bem fácil e desfrute de pratos saborosos para a semana!

como-desossar-peito-de-frango

Como desossar frango de maneira rápida e fácil?

Desossar frango em casa proporciona vários cortes de qualidade para a semana: asinha temperada, recheada, coxa e sobrecoxa assadas, peito recheado e filé de frango são algumas das delícias para o almoço e jantar.
Vamos aprender como desossar frango para poder fazer muitos pratos com uma só peça de carne?

como-desossar-um-frango-inteiro

Prepare a faca e a tábua

Parece óbvio, mas não é. Ter uma boa faca e tábua à disposição vai facilitar muito o seu serviço. Pegue uma faca de lâmina lisa e afie-a bastante, para deslizar sobre a carne com facilidade. Já a tábua deve ser larga para oferecer um bom apoio na hora de desossar frango, ok?

Exclua a gordura e pele excedentes

Para começar, retire a gordura e pele excedentes, para dar um acabamento e sabor inigualáveis ao seu frango desossado. Você também pode pedir ao açougueiro para fazer essa parte, mas como ela é bem simples, faça em casa e melhore suas habilidades na cozinha.

Tire o “osso da sorte”

Agora, na ponta do frango — área onde ficava o começo do pescoço dele —, você deve passar a mão para encontrar onde está o “ossinho da sorte”. Esse osso se chama fúrcula e é em formato da letra “V” e deve ser retirado.
Com a faca, faça dois cortes acompanhando o formato dele, e depois, com cuidado, puxe-o com os dedos. Você vai sentir que ele é meio durinho, mas nada que um pouco de força não o desgrude.

Corte as asas nas juntas

Você deve cortar as asinhas, para prepará-las depois com tempero na grelha, assadas ou em um bom caldo com legumes para dias frios. Encontre as juntas — parte onde o osso se articula — e corte com força, para que a faca não pare no meio. Depois, reserve as asas para seu outro preparo.

Separe a carcaça

Vire o frango com as costas para cima para retirar a carcaça. Com a faca, corte exatamente no caminho que a carcaça (costela e outros ossos) faz na carne. Mas, vá cortando aos poucos, para segurar o frango e ter uma boa dimensão para não errar. Alguns pedacinhos de carne ficarão grudados na carcaça, mas isso é normal — não dá para fazer o corte perfeito nessa peça, e deixar o osso totalmente liso.

Retire as fibras

Depois que você remover toda a carcaça, vai ver que ao final do frango desossado tem uma espécie de cartilagem branca sobre a carne. Deixar essa parte assim vai estragar o seu preparo, pois ela deixa essa área da ave muito fibrosa. Faça um corte tipo retangular e tire essa “pele”.

Remova os ossos das asas e coxas

como-desossar-asa-e-coxa-de-frango

Os ossinhos das asas ainda ficaram no frango, então você deve retirá-los. Para isso, corte as asas, abrindo-as no caminho do osso. Assim, você vai removê-lo por completo.
Para retirar os ossos das coxas o procedimento é quase o mesmo. Faça um corte com a faca, acompanhando o osso e, com os dedos, remova-os com cuidado.
Está pronto o seu frango desossado!

como-desossar-um-frango-inteiro

Lembre-se de sempre pegar uma peça bem bonita de frango inteiro no açougue, para que depois de desossado, renda bons pratos ao seu cardápio da semana. E não esqueça de usar os ossos com pedacinhos de carne para fazer um ensopado.
Viu como desossar frango é simples e ainda economiza no seu orçamento de alimentação semanal?
Aprenda mais técnicas de cozinha tão boas quanto essa!