Como congelar carnes corretamente e manter sabor e qualidade

A carne é um alimento muito perecível e que merece cuidado na sua preparação, desde a sua compra em um açougue de qualidade até o seu congelamento para as refeições do dia a dia.

Como congelar carnes? Essa é uma dúvida muito comum, pois não é simplesmente colocar todos os cortes no freezer e pronto. É importante saber quais as embalagens ideais e a melhor forma para fazer esse congelamento.

Pensando nisso, nós preparamos esse artigo com dicas de experts do Açougue do Nilo para te ajudar em todo o processo de como congelar carnes e manter o sabor e a qualidade. Vem ver!

Carne no gelo: como congelar carnes corretamente?

Como congelar carnes para o dia a dia

Comprar uma quantidade de carne de uma só vez para fazer durante a semana traz muito mais praticidade para a sua rotina, principalmente quando ela já vem separada em embalagens individuais e com a quantidade certa para cada dia.

Geralmente, os melhores açougues oferecem a opção de preparar a quantidade de carne de acordo com a dieta, seja para adultos, gestantes ou até mesmo para crianças que estão em fase de introdução alimentar. Além disso, facilitam o armazenamento da carne, embalando corretamente essas porções em saquinhos plásticos individuais prontos para congelar.

Congelar no freezer ou deixar na geladeira?

Saber se é melhor congelar no freezer ou deixar a carne na geladeira vai depender de como você irá consumir.

Se a sua intenção for prepará-la até no máximo três dias após a compra, o ideal é colocar a carne imediatamente após a compra em um recipiente limpo e bem fechado na geladeira, para não deixar cheiro em outros alimentos e evitar contaminação.

Mas, se a carne estiver embalada a vácuo, ela poderá ser colocada dessa forma na geladeira, retirando o plástico somente no momento do seu preparo para limpar e temperar a peça.

Porém, se você não for consumir a carne de imediato, é melhor congelar no freezer, já que o prazo de validade é bem maior do que se ela ficar na geladeira. As carnes congeladas em pedaços, por exemplo, podem ficar no congelador por até 8 meses, enquanto bifes crus possuem validade de até 6 meses e a carne moída até 3 meses.

Como congelar carnes: passo a passo da embalagem perfeita

Saiba como congelar carnes corretamente de acordo com cada tipo de corte.

A melhor forma de embalar as carnes para levar ao congelador é com o mínimo de ar possível, para ajudar a conservar os cortes por mais tempo. Uma dica de ouro para te ajudar nesse processo é usar sacos plásticos limpos e um canudinho para retirar todo o ar possível que estiver na embalagem, deixando-a como se fosse a vácuo.

Veja algumas opções de como congelar carnes usando as embalagens certas:

  • Bifes: o ideal é que eles sejam embalados separadamente e com a quantidade certa para o consumo, assim você evita o contato com outros bifes e facilita na hora de descongelar, não deixando grudar uns nos outros;
  • Carne moída: como a carne moída possui uma validade menor em relação às outras carnes congeladas, precisa ser embalada com muita atenção para não afetar sua durabilidade. Sendo assim, separe pequenas quantidades de carne moída em sacos plásticos e retire todo o ar. Isso ajudará na hora de congelar, já que elas levam mais tempo que o normal;
  • Carnes em cubos e picadinhos: assim como a carne moída, a melhor forma de como congelar carnes em cubos e picadinhos é separando em porções para as suas receitas do dia a dia, evitando o desperdício.

Pode congelar carnes temperadas?

Se você tiver a opção de congelar a carne fresca e sem o tempero, é melhor. Alguns temperos como alho, cebola e pimenta podem modificar o sabor da carne durante o congelamento, além de interferir diretamente na sua durabilidade.

Porém, caso você não tenha outra saída a não ser guardar a carne crua temperada, coloque-a em um recipiente fechado e consuma em até 3 dias, antes que estrague.

Pode congelar carnes temperadas? Veja como congelar carnes corretamente.

E as carnes assadas?

Sobrou carne assada? Não tem problema! Elas podem ser congeladas tranquilamente para serem consumidas outra vez.

A melhor forma de como congelar carnes assadas é separando-as dos molhos, principalmente quando forem peças inteiras, como o lagarto recheado do Açougue do Nilo, por exemplo.

Nos casos de almôndegas e bifes à milanesa empanados, a regra é a mesma e, após o descongelamento, basta colocar direto no óleo para fritar ou levar ao forno.

Descongelando as carnes sem perder a qualidade

Ao contrário do congelamento, que deve ser rápido para evitar a formação de gelo no interior da embalagem, o descongelamento deve ser lento para manter o sabor e a suculência.

Apesar de acelerar o processo de descongelamento, deixar a carne em um recipiente fora da geladeira não é uma boa ideia, pois a temperatura ambiente poderá favorecer a proliferação de bactérias e a perda de nutrientes.

Sendo assim, o ideal é que você mantenha a carne na geladeira de um dia para o outro e consuma em até 24 horas após o descongelamento, para manter o sabor e a qualidade.

Viu como é fácil? Agora que você já sabe como congelar carnes, que tal colocar os seus dotes culinários em prática fazendo as melhores receitas de 2018? Continue acompanhando o blog do Nilo!